Perspectivas do mercado de Flats e condo-hotéis para 2017 e 2018

Pontos Turisticos (5)

As perspectivas do mercado de Flats e condo-hotéis estão diretamente relacionadas a performance da economia da cidade de São Paulo, a maior cidade de negócios da América Latina.

Em 2016 recebeu 14,9 milhões de turistas, sendo 12,4 milhões de turistas brasileiros e 2,5 milhões de  turistas estrangeiros que movimentaram 11,4 bilhões na cidade, gerando 455 mil empregos. Sendo que 26,3% se hospedaram em Flats e/ou condo-hotéis.

A projeção turística da Cidade de São Paulo para o ano de 2020 é receber 16,52 milhões de turistas, gerando assim 13,99 bilhões de receita.*

Na cidade de São Paulo praticamente não existem mais terrenos para construir esse tipo de empreendimento, trazendo perspectivas de aumento de distribuição e valorização das unidades já construídas.

Após a queda de 5% da taxa SELIC desde julho de 2016 e a perspectiva de sair dos atuais 9,25% para 7,25% a.a., a economia brasileira vem dando sinais de recuperação.

Consequentemente a era de grandes lucros sem produção ou geração de empregos está no fim. Se as empresas e rentistas quiserem ter ganhos sustentáveis sobre o capital, terão de investir nos meios de produção e geração de empregos.

Ao adquirir uma unidade (UH) num empreendimento tipo Flat e/ou condo-hotel, você está colaborando para a geração de empregos, uma vez que para manter sua operação o Flat e/ou condo-hotel necessita de Staff:

  • Operacional;
  • Marketing e vendas;
  • A&B (alimentos e bebidas)
  • Estacionamento e segurança.

Além de gerar empregos e colaborar com a economia do país, como investidor você irá auferir os lucros da operação e a valorização da sua unidade de flat e/ou condo-hotel de forma sustentável e segura.

(Fonte*: http://www.observatoriodoturismo.com.br/pdf/DADOS_E_FATOS.pdf)

Deixar uma resposta